Casamento Cigano - festividade cigana

O povo cigano valoriza rituais e festividades, assim como a tudo o que se relaciona com a natureza e os elementos mágicos. Os rituais que tem festividade que mais se destacam e são tradicionais são:

Dia de Santa Sara Kali, nascimentos, casamentos e funerais.

Nesse artigo vamos tratar do casamento, mas fique de olho que tem artigo sobre as demais tradições também.

Casamento Cigano:

Antigamente era comum que os compromissos de noivado fossem firmados entre as famílias quando são crianças, muitas vezes antes mesmo de nascerem. Era bastante freqüente, hoje bem mais raro, que os noivos só se conhecessem no dia do casamento. Atualmente, este costume só é encontrado nas famílias mais tradicionais.

Cria-se um laço entre as famílias desde esse compromisso e já interagem com mais frequência. Por volta de 13, 14 ou 15 anos tem-se a entrada no mundo adulto e o momento do casamento ocorre.

Veja que interessante:

Quando o compromisso do noivado é firmado entre as famílias, os pais do noivo compram dois punhais (o da noiva mais feminino e enfeitado com pedrarias, o do noivo, mais discreto) e uma garrafa do mais fino champanhe ou vinho da melhor qualidade e embrulham a garrafa num lenço de seda vermelho. No dia do noivado a bebida é servida para brindar os noivos e o punhal da noiva guardado neste mesmo lenço vermelho até o dia do casamento.

O noivo presenteia a noiva com um cordão de ouro. Este presente, denominado kepara, simboliza publicamente o seu compromisso de noivado. Caso o noivado seja rompido, o kepara é retirado e devolvido à família do noivo, pois em geral é jóia de alto valor.

No dia do noivado os pais da noiva fixam o valor a ser pago como dote no dia do casamento pelos pais do noivo. A quantia é baseada nas qualidades da noiva, em sua beleza e em seus conhecimentos e habilidades para bem administrar o futuro lar. As despesas de toda a cerimônia são pagas pela família do noivo.

A virgindade é obrigatória e um dos fatos marcantes do Casamento Cigano. depois das núpcias o noivo deve mostra o lençol ou camisa manchado de sangue. Caso não haja esta comprovação, a noiva poderá ser devolvida.

Após o casamento, o jovem casal passa a morar na casa dos pais do noivo para que a noiva se adapte aos gostos e hábitos do marido e aprenda a lidar com os afazeres de esposa. Deverá obedecer aos sogros, além da fiel obediência ao marido, velando por todos nos casos de doença e por ocasião da velhice. Caso o jovem seja o filho caçula, permanecerá vivendo com a esposa na casa dos pais até a morte desses, pois ele será o maior beneficiário dos bens paternos, herdando a casa em que estiver morando e todos os bens

Na cerimônia a noiva usa vestido colorido, diferente da tradição ocidental, porta as principais jóias que tiverem e costumeiramente usam um lenço vermelho.

É feito um corte nos punhos dos noivos com os punhais antes mencionados e a troca de sangue com um lenço amarrado ocorre, mostrando que enquanto durarem suas vidas estão ligados.

A maioria dois usam roupas vermelhas, porém podem ter variações.

As ferramentas usadas para o ritual de casamento são: os dois punhais, o lenço vermelho, pão, sal, vinho e uma taça de cristal. O vinho simboliza a felicidade eterna, e permanente do casal, o pão e o sal representam a união, a taça de cristal é para que a paz esteja presente, e o punhal serve para a comunhão do sangue.

A festa dura em média 3 dias, com fartura, luxo quando possível, cores douradas predominando, música constante, cantos especiais decorados com pedras e tecidos.

Após o casamento a noiva passa a usar um lenço em sua cabeça que comprova já ser uma mulher casada,que tem todo o respeito de construir uma família.


40 visualizações
rte-02.jpg

ATENDIMENTO

Área de Atendimento:

Todo o Brasil

INSTITUCIONAL

REDES SOCIAIS

FORMAS DE PAGAMENTO

2020 Baralho Cigano Todos os direitos reservados © 

  • whatsapp_%C3%83%C2%ADcone-04_edited
  • Facebook ícone social
  • Instagram
  • YouTube
  • tarot